Toda semana a Verbo irá separar dicas de diversos professores. Fique atento. A dica de hoje é da Dra Camilla Pinheiro – Startups e Inovação – @camilla.gpinheiro

Novas profissões jurídicas

Arquitetura jurídica é uma metodologia para estruturar conhecimento jurídico de forma lógica, mapeando desdobramentos de cenários a fim de oferecer soluções mais objetivas e completas para problemas jurídicos.

Para fazer isso, podem ser utilizadas ferramentas como fluxogramas e árvores de decisões, conhecimentos de gestão de projetos e metodologias ágeis.

O arquiteto jurídico é um profissional híbrido: conhece de Direito, mas também um pouco de gestão, tecnologia e outros. Possui uma visão estratégica essencial para estruturar processos de automação.

Algumas funções do arquiteto jurídico: especificar e delimitar projetos, organizar conhecimento jurídico, gerenciar equipes.

Não é profissão do futuro, tá? Já é profissão do presente! Eu sou arquiteta jurídica e conheço vários colegas que também atuam nessa função, por isso posso afirmar: a arquitetura jurídica faz muita diferença nos escritórios!

Comentários

Comentários

Share.

About Author

Verbo Jurídico

Comments are closed.