Linte é uma lawtech, startup de tecnologia para o setor jurídico, que foi criada, em 2015, pelo advogado mineiro Gabriel Senra, para diminuir a burocracia e as ineficiências jurídicas de grandes corporações. Segundo reportagem publicada pela Folha de S. Paulo, Gabriel, afirma que a a Linte dobrou de tamanho desde então.

O crescimento da Linte mostra como o mercado jurídico está sedento por inovação. Hoje, o Brasil chega a ter mais de 100 milhões de processos ativos, sendo que algumas empresas recebem até 20 mil novas ações por mês. Nas grandes corporações, é comum a área jurídica receber muitas demandas judiciais ao mesmo tempo. Isso exige gerenciar várias equipes de advogados ao mesmo tempo, criar um fluxo inteligente de informações, além de administrar um grande volume de processos. A Linte surgiu para gerenciar este caos.

O software comercializado pela startup via SaaS (software as a service) oferece três principais serviços: gestão inteligente (organização e controle das atividades), automação e produtividade (sistematização e armazenamento dos dados) e insights e analytics (parte customizada do software, de acordo com as necessidades do cliente).

Mais do que aumentar a eficiência dos departamentos jurídicos, fazendo as grandes empresas economizarem com os processos, o que Gabriel e seu time querem criar é uma nova relação das pessoas com o trabalho. Segundo o empreendedor, o ambiente de trabalho jurídico é, tradicionalmente, conservador, ineficiente e burocrático. Para mudar isso, a Linte se propõe a abreviar as tarefas repetitivas e operacionais para que o trabalho desses profissionais gere valor. “Isso cria uma noção de propósito para estes profissionais”, diz.

Um jovem advogado inquieto

Gabriel é mineiro de Belo Horizonte e diz ter a veia empreendedora desde pequeno, quando vendia etiquetas. Aos 18 anos, ele trabalhava com eventos relacionados ao mundo jurídico, quando então resolveu fazer Direito.

Tão logo se formou, foi trabalhar no Sacha Calmon Misabel Derzi, um dos maiores escritório de Direito Tributário do país, de onde saiu para trabalhar na Vale. Em 2014, ele deixou a Vale para se dedicar a projetos pessoais, atuando como consultor. “Eu já queria construir algo próprio, mas não sabia o que. Então utilizei aquele ano para pensar no que fazer”, diz.
Fonte: Startse.co

No dia 24 de Junho, às 19:30, Gabriel dará uma aula ao vivo e interativa na plataforma Zoom, sobre o tema: “O que as Startups esperam do seu advogado”. A aula faz parte da Pos-Graduação em Gestão Jurídica para Startus, da Verbo Jurídico.

As inscrições podem ser feitas enviando mensagem para o WhatsApp: (11) 94559.9881. Aguardamos você!

Comentários

Comentários

Share.

About Author

Verbo Jurídico

Comments are closed.